Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 4.015.392 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 Vamos continuar tentando Joel Os arquivos que enviamos de

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Participação
2208
Sábado, 25 de abril de 2009 - 19:36:38

Vamos continuar tentando Joel 

Os arquivos que enviamos de relatos, e principalmente trabalhos da Prof. Telma Geovanini precisam ser publicados no STF. 

Abraços 

 

 

---------- Forwarded message ---------- 

From: joelmartini@zipmail.com.br  

Date: 2009/4/25 

Subject: Fwd: AUTO-HEMOTERAPIA 

To: "fetha@ibest.com.br"  

 

 

 

Marcelo, continuo tentando, já li a correspondência do Walter Medeiros no site do STF. 

Abraços, Joel 

 

 

Em 25/04/2009 16:56, joelmartini@zipmail.com.br < joelmartini@zipmail.com.br > escreveu: 

 

 

 

Joel Martini de Campos- 60 anos 

Rua Baltazar Fernandes, 293 - Brooklin 

04583-020 - São Paulo - SP 

r.g. 6.552.707 

 

Autorizo a publicação de email e carta enviada ao senador SUPLICY conforme descrita abaixo em 

DEFESA da AUTO-HEMOTERAPIA. 

Portanto é" OBRIGAÇÃO DO ESTADO DE DISPONIBILIZAR MEDICAMENTOS OU TRATAMENTOS EXPERI- 

MENTAIS NÃO REGISTRADOS NA ANVISA OU NÃO ACONSELHADOS PELOS PROTOCOLOS CLÍNICOS DO 

SUS". 

No aguardo da publicação no site do STF agradeço antecipadamente em defesa dos mais necessitados 

que não tem dinheiro para compra de medicamentos, não encontram nos POSTOS DE SAÚDE conforme 

determina a lei e não estão disponibilizados gratuitamente como o govêrno promete. 

Fraternalmente, 

Joel Martini de Campos 

 

 

 

Em 22/03/2009 23:06, joelmartini@zipmail.com.br < joelmartini@zipmail.com.br > escreveu: 

 

 

 

 

São Paulo, 23 de março de 2009 

Ao 

SENADOR SUPLICY 

Ref:- Auto-hemoterapia 

 

Primeiramente quero expressar meus agradecimentos à atitude de enviar OFÍCIO para C.F.M e ANVISA.Nós 

hemoterápicos temos muita consideração por ser homem íntegro, honesto, não pairando sobre sua pessoa- 

qualquer suspeita como comumente temos visto ser noticiado dos demais legisladores. 

Sou fundador do antigo MDB, hoje PMDB, que já não é o mesmo. Como está informado,nos países de primeiro  

mundo, ou seja: Alemanha, Itália, França e também na Bélgica, México, China, Argentina a AUTO-HEMOTERAPIA 

é autorizada pelos ORGÃOS GOVERNAMENTAIS DE SAÚDE, por tratar-se de TERAPIA COMPLEMENTAR, sem 

contra indicações e efeitos colaterais. Para muitas doenças significa a REMISSÃO e para outras CURA. 

Trata-se de procedimento barato( seringa,agulhas, algodão, alcool ) e pequena despesa com aplicador. 

As classes menos favorecida C,D,E são beneficiadas, pois não tem dinheiro para compra dos remédios e o 

GOVÊRNO não disponibiliza os medicamentos que elas precisam, pois somente uma lista de 90 noventa remédios 

são considerados como populares e assim mesmo não encontramos a maioria dêles para DISTRIBUIÇÃO 

GRATUÍTA nos POSTOS DE SAÚDE. 

O C.F.M. proibiu a prática mediante parecer de um só PARECERISTA, que não estudou o problema, pois 

existem vários livros editados sobre AHT, muitas pesquisas desde o século 20, até os dias atuais. 

Também há muitos RELATOS sobre os benefícios da AHT, que são casos verídicos e estão postados nos 

FORUNS na internet. Todas as pessoas que relataram, não foram pagas para isso. 

No caso do C.F.M, estamos diante de decisão tomada por um só PARECERISTA, portanto considero ato 

muito grave, pior dos enfrentados por nós no tempo da DITADURA MILITAR, quando tive que ficar internado 

em uma CLÍNICA DE REPOUSO( hospício ) por 60 dias, para sair com ATESTADO DE LOUCO e não ser perse- 

guido pela POLÍCIA POLÍTICA. 

Baseada nêsse PARECER também a ANVISA emitiu nota técnica, informando se alguém ligado ao setor de 

saúde desobedecesse, seria punido por infração sanitária( médicos, farmacêuticos, enfermeiros ) etc. 

Para terminar vou dar meu relato:- 

1-) Joel Martini de Campos, portador de hepatite C descoberta em 1991, portanto à mais de 18 anos. 

2-) Reações provocadas pela doença:- a-) artrite nos joelhos e cotovelos, b-) muita coceira nas pernas, 

c-) à partir de 2007, esteatose hepática leve(gordura no fígado) podendo progredir para CIRROSE. 

3-) Até 2006 não tinha a esteatose hepática leve( gordura no fígado). 

4-) Em setembro/2008 conforme exames de sangue e ultrassonografia, continuava com os problemas. 

5-) Plaquetas em setembro/2008 = 175.000. 

6-) Em novembro/2008 passei a fazer a aplic ação de AHT semanalmente. 

7-) Já na terceira aplicação desapareceu as dores de artrite e a coceira nas pernas. 

8-) Quando da retirada do sangue é visível na seringa fibrina(gordura) que está sendo removida e devorada 

pelo aumento dos macrófagos. 

9-) Caso o deputado CLODOVIL estivesse fazendo a AHT, não teria sofrido outro A.V.C. e estaria ainda no 

nosso convívio, pois com o aumento dos macrófagos, seria feita a limpeza em suas artérias e veias e 

também em todo organismo, digerindo os coágulos lentamente. 

10-) Em fevereiro/2009 repetimos os exames de sangue e ultrassonografia. 

11-) RESULTADOS:- a-) plaquetas 223.000 

b-) não há mais esteatose hepática leve no fígado(gordura), portanto não tenho risco 

de evoluir para CIRROSE HEPÁTICA. 

Êsses senhores C.F.M. e ANVISA deveriam antes de proibir, patrocinar pesquisa randomizada, buscar informar- 

se sobre os relatos, pesquisas já feitas, livros editados, visitar pessoas que relataram e coletarem os exames. 

Dessa maneira como proibiram, parece que ao invés de defederem a POPULAÇÃO carente que é sua obrigação, 

estão defendendo os LABORATÓRIOS, pois com a aplicação da AHT, evita-se de consumir remédios(drogas) 

que em suas bulas alertam sobre contra-indicações e efeitos colaterais. 

Contamos com seu apoio à NOSSA CAUSA que não é minha e sim em defesa da POPULAÇÃO CARENTE,contra 

o uso indiscriminado de remédios(DROGAS) que custa muito dinheiro e o povo não tem para comprar. 

FRATERNALMENTE, Joel Martini de Campos 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Marcelo    

[ocultar participação]  [voltar]

Comentários


Quero comentar Total de 8 comentários  -  8 nesta página
[primeira < anterior   Página de 1     próxima >  [última]

 Domingo, 26 de abril de 2009 - 10:55:25 

Bom dia Prof Telma 

Estou lhe reencaminhando o email da Dra. Maria Antonina Sales. 

Acho que seria interessante se o seu email de autorização ao STF Saúde para a publicação de seus documentos também fosse encaminhado à 

comunicacns@saude.gov.br 

Atenciosamente 

Marcelo 

 

---------- Forwarded  ... (total de 1892 caracteres)

Marcelo    

 Sábado, 25 de abril de 2009 - 21:42:36 

MARCELO: ESTOU ENVIANDO COPIA DO EMAIL REMETIDO AO STF, COM AUTORIZAÇÃO,OK? 

abraço, dutra 

 

---------- Forwarded message ---------- 

From: Jose luis barbosa dutra  

Date: 25/04/2009 21:31 

Subject: Fwd: arquivo e links para o STF 

To:  ... (total de 675 caracteres)

Marcelo    

 Sábado, 25 de abril de 2009 - 19:57:50 

pedido(5) Autorização para publicação de RELATOS de usuarios AHT no STF 

 

deMarcelo  

parafetha@ibest.com.br 

 

ccaudienciapublicasaude@stf.jus.br, 

eduardo.suplicy@senador.gov.br, 

pfdc001@pgr.mpf.gov.br 

 

data24 de abril de 2009 14:13 

assuntopedido(5) Autorização para  ... (total de 18760 caracteres)

Marcelo    

 Sábado, 25 de abril de 2009 - 19:55:53 

deMarcelo  

paraaudienciapublicasaude@stf.jus.br 

 

cceduardo.suplicy@senador.gov.br, 

pfdc001@pgr.mpf.gov.br 

 

data24 de abril de 2009 14:18 

assuntoFwd: pedido(5) Autorização para publicação de RELATOS de usuarios AHT no STF 

enviado poribest.com.br 

 

Ao STF Audiencia  ... (total de 753 caracteres)

Marcelo    

 Sábado, 25 de abril de 2009 - 19:48:19 

data24 de abril de 2009 14:27 

assuntoAutorização do Olivares Rocha 

enviado poribest.com.br 

 

Parabéns Olivares 

Abraços 

 

Prezado marcelo: 

enviei ao STF a seguinte autorização, muito embora não tenha produzido nemhuma pesquisa, só "pirateei" as disponíveis; 

 

Prezados responsáveis.  ... (total de 4479 caracteres)

Marcelo    

 Sábado, 25 de abril de 2009 - 19:45:48 

MICHELE AUTORIZA A PUBLICAÇÃO DE SEU TRABALHO NO STF - Re: pedido de autorização para publicação no STF 

 

ref. Authemoterapia na Obrigação do Estado de disponibilizar medicamentos ou tratamentos experimentais não registrados na ANVISA ou não aconselhados pelos Protocolos Clínicos do SUS  

  ... (total de 4229 caracteres)

Marcelo    

 Sábado, 25 de abril de 2009 - 19:39:35 

deTelma Geovanini  

paraeduardo.suplicy@senador.gov.br, 

pfdc001@pgr.mpf.gov.br, 

audienciapublicasaude@stf.jus.br 

 

ccMarcelo  

 

data24 de abril de 2009 01:35 

assuntoFwd: arquivos e links para o STF Audiência Publica Saude 

assinado  ... (total de 6041 caracteres)

Marcelo    

 Sábado, 25 de abril de 2009 - 19:38:22 

Ref. Authemoterapia na Obrigação do Estado de disponibilizar medicamentos ou tratamentos experimentais não registrados na ANVISA ou não aconselhados pelos Protocolos Clínicos do SUS  

 

Prezados Senhores 

 

A pedido da própria Msc.Enf.Telma Geovanini (vide abaixo, o e-mail que me foi enviado por  ... (total de 1660 caracteres)

Marcelo    



envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a lista que contém esta participação]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2021)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org