Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 3.809.262 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 Mais uma variante da AH... ABORTO ESPONTÂNEO É CAUSADO

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Participação
3762
Quinta-feira, 25 de março de 2010 - 17:59:41
200.20.24.78

Mais uma variante da AH... 

 

 

ABORTO ESPONTÂNEO É CAUSADO POR REJEIÇÃO IMUNOLÓGICA, DIZ PESQUISA - “VACINA DO MARIDO“ 

Vacinas com anticorpos (DO SANGUE) do pai podem evitar o problema (ABORTOS DE REPETIÇÃO). COMO É O TRATAMENTO (ÍNDICE DE 86% DE SUCESSO): uma vacina fabricada a partir dos linfócitos (glóbulos brancos presentes no sangue) do marido, no caso da não aceitação da gravidez ser devido as informações genéticas paternas presentes nas células do embrião. A vacina é produzida com o sangue e soro fisiológico e aplicada na gestante, para que ela passe a produzir anticorpos que irão proteger o bebê.  

A vacina promove um estímulo à produção de anticorpos antilinfócitos e de outros fatores que favorecem o processo de implantação do embrião. Se o exame der negativo, é indicada uma vacina feita com 80ml de sangue (linfócitos) do parceiro, que é aplicada por via intradérmica na mulher.  

http://www.unicamp.br/unicamp/unicamp_hoje/ju/jun2001/unihoje_tema163pag02.html barini@caism.unicamp.br  

o médico explica: Como surgiu esta vacina? Ela foi desenvolvida a partir da observação de que pessoas que recebiam transplantes de rim, na década de 60, e que fizeram transfusões de sangue aceitavam melhor o órgão transplantado. Como a gravidez para a mulher é uma espécie de transplante temporário, imaginou-se que a transfusão sangüínea poderia melhorar a aceitação do feto. O Programa de Imunologia da Reprodução foi estabelecido pelo médico Alan E. Beer, na Chicago 

Medical School (EUA), em 1987. Foi nessa instituição que me especializei, implantando o programa na Unicamp em 1993. Por que é chamada de vacina do marido? Porque consiste na coleta de de sangue do marido. No mesmo dia esse material é fracionado, retirando-se os linfócitos (células brancas do sangue envolvidas no sistema de defesa do organismo). Os linfócitos são lavados, colocados em soro fisiológico e injetados na mulher por via intradérmica, no braço. É como se ela tomasse uma injeção. Por isso é chamada de vacina do marido. Como ela funciona? Aplicamos duas doses do imunizante, com intervalo de dois meses, e confirmamos com exames se a paciente já respondeu ao tratamento. Existe uma prova, chamada cruzada (Crossmatch), que verifica se a paciente já consegue reconhecer o marido imunologicamente. Durante a gravidez, ela tomará mais quatro doses de reforço para manter a produção dos anticorpos elevados e, assim, ter uma gestação segura. Como o produto atua no corpo da mulher? A vacina estimula a produção de um anticorpo chamado bloqueador. Esse anticorpo regula o sistema imune da mulher e o prepara para a aceitação da gravidez. Ele se liga a células NK (natural killers, ou assassinas naturais, as células reguladoras do nosso organismo) e passa uma informação de que o que está se desenvolvendo dentro do útero é uma gravidez e não agressão ao corpo da mulher. Há contra-indicações? Sim. Quando o parceiro é portador de uma doença transmissível pelo sangue, como as hepatite B ou C e HIV/Aids. http://www.aloimune.med.br/noticias.asp?cod=17 

 

Olivares Rocha
44 anos
- olivares@oi.com.br

[ocultar participação]  [voltar]

Comentários


Quero comentar Total de 1 comentários  -  1 nesta página
[primeira < anterior   Página de 1     próxima >  [última]

Terça-feira, 2 de março de 2021 - 23:00:02
 

Nenhum comentário ainda.

 

Webmaster



envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a lista que contém esta participação]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2021)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org