Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 2.413.807 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 HOMENAGEM AO DOUTOR DA VITALIDADE HUMANA (ENFERMEIRA IDA

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Participação
4258
Segunda-feira, 12 de julho de 2010 - 12:45:57
189.63.221.192

HOMENAGEM AO DOUTOR DA VITALIDADE HUMANA 

 

(ENFERMEIRA IDA ZASLAVSKY EXPLICA NO RÁDIO USO DA AUTO-HEMOTERAPIA) 

 

A Rádio Campeche – Comunitária, de Florianópolis, fez uma rica abordagem sobre o uso da auto-hemoterapia, no Programa Ecologia Humana levado ao ar e reproduzido pela internet no último domingo, 04 de julho de 2010, das 11 das 12 horas. O programa tratou do tema Estímulo Imunológico, mostrando como o uso do sangue aplicado no músculo depois de retirado da veia estimula as defesas do organismo. A Enfermeira catarinense Ida Zaslavsky, usuária, defensora e estudiosa do assunto, estava no estúdio e respondeu a muitas perguntas, tirando dúvidas dos ouvintes. 

 

O programa mostrou que a forma de cura que está sendo divulgada pelo Dr. Luiz Moura é “uma técnica simples, em que, mediante a retirada de sangue da veia e a aplicação no músculo, ela estimula um aumento dos macrófagos, elementos que fazem a limpeza de tudo, eliminam as bactérias, os vírus, as células cancerosas - que se chamam neoplásicas.” Com a auto-hemoterapia a taxa normal de macrófagos, que é de 5% no sangue, é elevada para 22% durante 5 dias”. Do 5º ao 7º dia começa a declinar, elevando-se novamente com a repetição do procedimento. 

 

VITALIDADE 

 

Um dos ouvintes perguntou onde entra a auto-hemoterapia como estímulo imunológico, ao que Ida Zaslavsky respondeu que se trata de uma técnica que faz o sangue aplicado funcionar como elemento estranho, mantendo o sistema de defesas ativo, combativo e vigilante. “O organismo passa a ter força e vitalidade para enfrentar os problemas”, informou, ressaltando que “com o uso da auto-hemoterapia não se interrompe nenhum tratamento; o sangue fortalece o sistema imunológico para enfrentar as doenças. 

 

A apresentadora afirmou que se trata de um método de custo baixíssimo, pois basta uma seringa, e pode ser feito em qualquer lugar, simplesmente porque o sangue é tirado no momento em que é aplicado no paciente, precisando apenas de uma pessoa que saiba pegar uma veia e dar uma injeção no músculo. Dr. Moura assegura que “resulta num estímulo imunológico poderosíssimo” e opina que “é uma coisa que poderia ser divulgada e usada em todas as camadas da população sem nenhum problema”, o que descreve como “a grande vantagem” proporcionada pela técnica. 

 

IMUNIDADE 

 

Indagada sobre quem pode fazer e quem não pode fazer auto-hemoterapia, a enfermeira começou citando as pessoas que desejam prevenir doenças, elevando sua imunidade e disse que entre aquelas que desejam prevenção inclui sua própria mãe, a qual diz que se sente como uma adolescente, saudável. Citou em seguida quem vai se submeter a cirurgia, para ter o estado imunológico aumentado, prevenir problemas e ajudar na cicatrização. Referiu-se também pessoas que desejam usar a técnica como auxiliar no combate a efeitos das doenças degenerativas, exemplificando com uma cliente com herpes acompanhada por ela, que diminuiu bastante a debilidade. 

 

Os ouvintes quiseram saber também sobre o uso da auto-hemoterapia por gestantes, ao que Ida opinou: “do nascimento à finalização pode ser indicada a auto-hemoterapia”, defendendo que “as grávidas podem fazer, pois serve para elas e o feto já recebe na placenta; e depois o recém-nascido já recebe estímulos no leite da mãe, proporcionando o prolongamento do ciclo vital”. Resumiu que a auto-hemoterapia ajuda na instalação de imunidade mais ativa na grávida, lembrando que “gravidez não é doença; ao contrário, é a vitalidade plena”. 

 

BENEFÍCIOS 

 

A enfermeira Ida Zaslavsky conta com uma trajetória profissional na qual considera a auto-hemoterapia um assunto muito importante. Na área de saúde ela sempre trabalhou em postos, emergências e UTIs, e nesse atendimento desenvolveu habilidade com aplicação e interessando-se pelo estudo científico do estímulo imunológico. Relata que em 1994 estudava bioenergética, quando teve acesso a um vídeo do Dr. Luiz Moura que citava a técnica. Começou experiência bem sucedida com jovens que apresentavam acne intensa, com infecção. Apresentou à mãe, que tinha obstrução circulatória grave e constatou benefícios. Dali passou a estudar o tema e a oferecer a outros. Faz 17 anos que ela se dedica ao uso da auto-hemoterapia. 

 

Outra indagação referia-se à função do sistema imunológico. A enfermeira catarinense explicou tratar-se do sistema de defesa do corpo, da imunidade, o qual reconhece o que é próprio e o que agride o organismo. Acrescentou que ele tem uma espécie de memória, desempenhando diversas funções na defesa do organismo e dando uma identidade funcional. Sobre as funções do Sistema Retículo Endotelial, mostrou que faz a limpeza de partículas estranhas: vírus, bactérias, células cancerosas e outras substâncias, que remove e previne doenças e riscos. Entre essas doenças ou anormalidades, citou infarto, entupimento das coronárias, trombose, reações alérgicas, colesterol, metabolismo que remove proteínas anormais, ressaltando que articula a imunidade natural equilibrando as funções vitais. Segundo Ida, “Inúmeros processos doentios podem ser evitados, abrandados ou curados com a auto-hemoterapia”. 

 

MACRÓFAGOS 

 

Uma ouvinte de nome Cássia ponderou se os macrófagos não iriam combater somente o trauma que estava sendo produzido no local da aplicação do sangue. A especialista informou que com a aplicação acontece a multiplicação dos macrófagos e que o aumento na sua produção se dá no organismo como um todo. O local vai funcionar como rejeição e consequentemente ocorre o aumento dos macrófagos; mas o aumento é generalizado e é suficiente para combater desequilíbrio e agressão em qualquer parte do organismo, não só no músculo utilizado para a injeção. 

 

Mais um ouvinte participou indagando o que acontece quando baixa o equilíbrio, ao que foi respondido: “nosso corpo, a natureza dele faz com que ele se defenda. Se a agressão é demais, as defesas normais não são suficientes. Se estiverem baixas as defesas, não terá com que reagir. Daí a necessidade de elevá-las. Mostrou ainda que pode ser função do Sistema Imunológico prevenir processos infecciosos, alergias e doenças auto-imunes, reequilibrando o organismo, fazendo com que abrande as conseqüências ou sair de situações doentias. 

 

HOMENAGEM 

 

Em termos gerais, Ida Zaslavsky observou que “A felicidade, a alegria, a tranqüilidade aumentam a nossa imunidade, pois somos um ser integral. A imunidade estando ativa, estamos vigilantes a estados infecciosos, doentios, que desgastam a gente”. Para tanto, sentenciou que “A saúde está dentro de nós – física, mental e espiritualmente”. 

 

Ao se despedir dos ouvintes Rádio Campeche – Comunitária, de Florianópolis, a Enfermeira Ida Zaslavsky prestou uma Homenagem e agradecimento ao Dr. Luiz Moura, a quem denominou “Doutor da Vitalidade Humana”. Para ela, a experiência do médico carioca plantou uma semente comunitária que está brotando em benefício de toda a população.  

 

http://www.rnsites.com.br/auto-hemoterapia-campeche.htm 

Marcelo Fetha    

[ocultar participação]  [voltar]

Comentários


Quero comentar Total de 1 comentários  -  1 nesta página
[primeira < anterior   Página de 1     próxima >  [última]

Sábado, 22 de julho de 2017 - 15:54:03
 

Nenhum comentário ainda.

 

Webmaster



envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a lista que contém esta participação]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2017)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org