Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 3.059.603 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 e no site:

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Participação
4178
Quinta-feira, 17 de junho de 2010 - 18:01:28
200.20.24.78

e no site: http://leonardof.med.br/2010/06/14/novas-regras-para-a-doacao-de-sangue/comment-page-1/#comment-412 

Leonardo Fontenelle permalink* 

junho 17, 2010  

 

Ao contrário do que você afirma, a auto-hematoterapia é que tem caráter dogmático, da mesma forma que a homeopatia. Na Medicina, o que vale é a confirmação de que funciona, e isso você não me apresentou. 

 

Desculpe, mas nem vou conferir o link que você apresentou para a papilomatose bovina. Mesmo se funcionar para bois, e não estou dizendo que funcione, o que me interessa é saber se funciona para gente. 

 

A propósito, não sei como é no caso do boi, mas no caso da infecção pelo vírus do papiloma humano, a doença regride sozinha em 2 anos em 80% dos casos. Isso exigr cuidados maiores ao afirmar que a melhora foi resultado do tratamento. 

Responder 

 

Olivares Rocha permalink 

junho 17, 2010 

 

Dr. eu não afirmo nada, só repasso informações disponíveis… 

Aliás, afirmo sim. 

Afirmo que a Ah está sendo excelente em minha saúde há mais de 3 anos, na de meus 4 parentes que fazem e, até onde sei, na de todos que fazem ou fizeram… 

E sobre dogma, acredito que se as autoridades procedessem aos estudos que afirmam a AH carecer, iriam de vez por todas esclarecer as dúvidas que eles afirmam serem certeza: a Ah é picaretagem, não funciona e é perigosa… 

Se não os fazem, e afirmam ainda ser a Ah nociva perigosa e até mortal, quem é dogmático aqui? 

Quem faz em si e vê resultados positivos? 

Quem mostra vários trabalhos científicos, iniciais, todos atestando eficácia e segurança da terapia? 

Quem prova que a Ah já foi largamente praticada na Medicina brasileira e internacional, e que não 

Quem há qualquer registro de complicações advindas desta prática clínica? 

 

Ou quem proíbe a AH sem qualquer estudo comprovando os argumentos em que baseiam a proibição? 

Quem afirma ser ela perigosa, mortal, sem qualquer prova ou ao menos indício? 

 

Repito: em que se baseiam para atestar tais declarações, se estas autoridades afirmam que a Ah não passou por pesquisas dentro dos padrões ditos científicos hoje em voga? 

Eu não poso apresentar nada al´me do que existe, ou seja, alguns trabalhos científicos iniciais, o registro histórico da prática médica secular, a carência de registros de complicações nos órgãos de saúde, o registro da prática da AH na Medicina, as várias terapias que como a Ah usam o próprio (AUTO) sangue(HEMO), injetado puro ou misturado, íntegro ou parcial, no corpo do doador, para tratar (TERAPIA) a saúde do deste: o PRP, oPPP, o tampão sanguíneo peridural, os fatores de crescimento plaquetário na odontologia ortopedia e até em cirurgias estéticas, a injeção de sangue autólogo dentro de olho lesionado, o colírio de soro de sangue autólogo, a vacina ZIMDUCK (que é baseada na proteionoterapia, que é o berço da Auto-Hemoterapia), a vacina de anticorpos do sangue de homem que engravidou a sua mulher, chamada de vacina do Marido, destinada a evitar abortos de repetição, enfim, em várias provas de que o sangue injetado num músculo é muito menos arriscado que nos olhos, coluna, numa lesão ortopédica ou implante dentário etc… 

E gostaria de saber: 

se funciona em mamíferos, que são, na maioria das vezes, as cobaias para testes de novos medicamentos, por que não funcionaria em humanos? 

 

Por que, diante de tantos “indícios” as nossas autoridades não fomentam tais pesquisas, ainda que fosse tão somente para proteger os milhares de praticantes declarados, que depõem incríveis benefícios…? 

 

As nossas autoridades então não estariam sendo omissas ao ignorar a difusão da AH? (sem qualquer registro de complicações, vale repisar) 

 

Por que a Ah é livre na Alemanha, México e outros paises mas só aqui está proibida? 

 

Por tudo isso, acredito que o dogma está em quem afirma sem provar. 

Isso não é Ciência… É achologia… 

E sobre o emprego da Ah em veterinária, existem muitos outros estudos, muitas outras provas, não há o que se contestar. A AH é, inclusive, ensinada em suas universidades e faculdades… 

 

Ollivares Rocha 

Responder 

 

Leonardo Fontenelle permalink* 

junho 17, 2010 

 

Ollivares, apesar de ter mencionado a auto-hemoterapia, o foco deste artigo é a doação de sangue. Prometo que em breve escrevo um artigo detalhando o que está comprovado ou não sobre a auto-hemoterapia. 

Responder 

Olivares Rocha permalink 

junho 17, 2010 

 

Agradeço profundamente, pois o que mais quero é exatamente isto, o enfrentamento sério e sem preconceitos do assunto, de forma que se possa averiguar a realidade da eficácia deste tratamento, o que poderá significar uma grande contribuição para a população. 

Ou, ao menos, que se provem cientificamente que a AH não tem validae, o que particularmente duvido que ocorra… 

Um abraço, e boa tarde. (agradeceria se comunicasse pelo meu e-mail quando abrisse este canal de discussão – olivares@oi.com.br) 

Olivares Rocha
45 anos
 

[ocultar participação]  [voltar]

Comentários


Quero comentar Total de 1 comentários  -  1 nesta página
[primeira < anterior   Página de 1     próxima >  [última]

Terça-feira, 13 de novembro de 2018 - 16:53:34
 

Nenhum comentário ainda.

 

Webmaster



envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a lista que contém esta participação]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2018)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org