Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 3.703.507 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 TRANSFUSÕES TAMBÉM TERIAM DE SER PROIBIDAS A médica

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Comentário
 Terça-feira, 13 de abril de 2010 - 18:24:56 
189.123.83.61

TRANSFUSÕES TAMBÉM TERIAM DE SER PROIBIDAS 

 

A médica homeopata Alessandra Mandaloufas, 41 anos, de Taubaté - São Paulo, disse, através do fórum de discussão na Internet, que embora não tenha experiências com a auto-hemoterapia, esta técnica parece “muito interessante do ponto de vista imunológico”. Ela postou neste sábado, 24.10.2009 uma mensagem em que faz uma rápida abordagem sobre o assunto. 

 

 

DRA.ALESSANDRA 

 

Segundo a médica paulista, “Não haveria motivos para (a auto-hemoterapia) representar perigo para a saúde, se o máximo que ela pode provocar na pessoa é um pequeno hematoma”. Acrescentou que “O sangue que está sendo aplicado é o do próprio indivíduo e não o de outro ser qualquer, portanto não há risco de incompatibilidade.  

 

Opinou ainda a Dra. Alessandra que “Se foi proibida a aplicação intramuscular de sangue de um indivíduo nele mesmo, pelos possíveis riscos que isso poderia provocar, então, seguindo-se a mesma linha de raciocínio, deveriam ser proibidas as transfusões sanguineas, pois, além de serem de sangue de um indivíduo estranho, ainda requerem aplicação intravenosa; ou seja, em caso de reação de incompatibilidade, esta reação seria generalizada e de resposta muito mais rápida que na via intramuscular”.  

 

Declarando-se favorável à experimentação da auto-hemoterapia em voluntários, a médica acha que já houve comprovação científica pelos experimentos publicados pelo Dr. Jesse e pelo Dr. Veronese, assim com pela própria experiência, repetidas vezes, do próprio Dr. Moura e de seu pai. “A meu ver, os laboratórios farmacêuticos devem mesmo estar por trás dessa proibição, assim como fizeram "campanha" contra a Homeopatia por tantos anos” – concluiu. 

 

Dr. Walter Medeiros 

http://www.rnsites.com.br/auto-hemoterapia-incremento.htm#25.10.2009 

 

 

 

* * * 

 

Mensagem da Dra. Alessandra no site Orientações Médicas 

 

Sábado, 24 de outubro de 2009 - 01:07:17  

 

Eu sou médica homeopata.  

 

Embora não tenha experiências com esta técnica, parece-me muito interessante do ponto de vista imunológico.  

 

Não haveria motivos para representar perigo para a saúde, se o máximo que ela pode provocar na pessoa é um pequeno hematoma. O sangue que está sendo aplicado é o do próprio indivíduo e não o de outro ser qualquer, portanto não há risco de incompatibiliade.  

 

Se foi proibida a aplicação intramuscular de sangue de um indivíduo nele mesmo, pelos possíveis riscos que isso poderia provocar, então, seguindo-se a mesma linha de raciocínio, deveriam ser proibidas as transfusões sanguineas pois, além de serem de sangue de um indivíduo estranho, ainda requerem aplicação intravenosa, ou seja, em caso de reação de incompatiblidade, esta reação seria generalizada e de resposta muito mais rápida que na via intramuscular.  

 

Sou favorável à experimentação da auto-hemoterapia em voluntários, e acho que já houve comprovação científica pelos experimentos publicados pelo Dr. Jesse e pelo Dr. Veronese, assim com pela própria experiência, repetidas vezes, do próprio Dr. Moura e de seu pai.  

 

A meu ver, os laboratórios farmacêuticos devem mesmo estar por trás dessa proibição, assim como fizeram "campanha" contra a Homeopatia por tantos anos.  

 

Dra. Alessandra Mandaloufas 

41 anos - TAubaté - S.P  

 

http://www.orientacoesmedicas.com.br/opiniao_integra.asp?cdg=3057&u=1 

 

 

 

Esta página: 

http://autohemo.cloud.prohosting.com/dra_Alessandra_homeopata.htm 

http://autohemoterapia.fortunecity.com/dra_Alessandra_homeopata.htm 

 

 

Marcelo Fetha (fetha@ibest.com.br)    

[voltar]

envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a participação que motivou este comentário]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2020)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org