Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 3.678.978 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 Outro texto que tambpem estará no ebook: A luta da AHT é

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Comentário
 Domingo, 11 de abril de 2010 - 14:57:09 
189.63.223.77

Outro texto que tambpem estará no ebook: 

 

A luta da AHT é uma luta dificil.  

 

“Essa foi a minha foto de maior sucesso, depois de dez anos como fotógrafo, mas não quero pendurá-la na parede. Eu a odeio”, declarou em entrevista a revista American Photo.  

A frase acima é de Kevin Carter.  

 

A fotografia citada é de uma menina sudanesa, que estava se arrastando em direção a um posto de alimentação. Foi registrada pelo fotógrafo sul-africano Kevin Carter, em 1993. Foi adquirida pelo New York Times, ganhou o prêmio Pulitzer de 1994 (mais importante prêmio jornalístico do mundo) , e deu mais resultado do que qualquer outra reportagem para chamar a atenção sobre a fome no continente africano.  

 

Três meses depois de ter recebido o prêmio pela imagem da criança e o urubú, amargurado e castigado pela culpa, psiquicamente instável e destroçado pela morte de um dos seus amigos íntimos e elemento do Bang-Bang Club, Ken Oosterbroek , Kevin Carter suicidou-se.  

 

Em 27 de julho de 1994, levou seu carro até um local da sua infância e utilizou uma mangueira para levar a fumaça do escape para dentro de seu carro. Ele morreu envenenado por monóxido de carbono aos 33 anos de idade.  

 

ACREDITE OU NÃO, muitas vozes se levantaram na época contra a atitude de Carter, comparando-o de certa forma ao abutre e questionando-o porque não tinha ajudado a criança.  

 

Quando eu repassei o Howfortunateweare.pps (*) que contém esta foto e outras, recebi vários e-mails. MAS um dentre eles me deixou mais emocionado do que eu já estava. 

 

Cenas que me marcarão para sempre! 

 

Meu amado Marcelo, sou Marcos cujo pai faz hemodiálise, lembra? Tenho muito p'ra te contar, mas confesso que agora não dá. Estou profundamente tocado com este último e-mail que você me enviou. Fico muito feliz por você, que você seja abençoado sempre. Eu te amo meu caro, sinta um forte abraço. 

 

Marcos 

 

Continuemos a luta! 

 

* * * 

 

Ainda hoje penso como o ser humano tem se pautado, seus sonhos, seus desejos, seu egocentrismo, sua mesquinhez, sua preocupação excessiva consigo mesmo.  

 

Quando a consciência adquire um certo nível de desenvolvimento, JAMAIS consegue-se fugir dela. Como por exemplo, ninguém consegue escrever da mesma maneira quando estava iniciando-se no aprendizado escolar.  

 

A luta da AHT é uma luta dificil. Somos chamados de os bonzinhos da AHT. Há de se ressaltar, que não me julgo nenhum bonzinho, mas alguém com a consciencia aguçada, que não me permite desistir.  

 

Dia chegará em que a humanidade inteira vai olhar com muita tristeza, o que tem feito durante todos esses anos medíocres, desperdiçados em coisas fúteis, esquecendo-se e afastando-se de sua própria essência.  

 

(*) ABAIXO e também disponível para download em vários sites, digite no google: download Howfortunateweare.pps 

 

 

O QUE TODO SER HUMANO PODE SE PERGUNTAR É:  

 

- Por que estas vidas miseráveis existem?  

 

- Por que estas almas se sujeitam a este tipo de vida?  

 

 

Marcelo Fetha (fetha@ibest.com.br)    

[voltar]

envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a participação que motivou este comentário]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2020)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org