Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 2.380.825 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 Mestre é o tal negócio: como ozonio PODE. Sem ozonio Não

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Comentário
 Sábado, 30 de janeiro de 2010 - 18:53:52 
189.123.82.54

Mestre 

é o tal negócio: 

como ozonio PODE. Sem ozonio Não PODE! 

(custa R$ 250,00 por aplicação em média). 

AHT de pobres Não pode. 

E quanto a luta da AHT, estamos todos seguindo o seu rastro, pois foi o unico corajoso a denunciar os Srs feudais. 

Abraços 

 

E eis o texto da reportagem: (caso saia do ar) 

 

Doce vampiro 

 

Tratamento que melhora o sangue é a nova moda entre os famosos para rejuvenescer: Pepeu Gomes e Pelé fazem 

 

Rio - A última moda entre as celebridades não é a saia de cintura alta nem o peeling de cristal. Em tempos de ‘Crepúsculo’ e ‘Lua Nova’, o sangue é o elemento da vez. Que o diga Pepeu Gomes, assediado nos últimos dias por ter declarado à ‘Veja’ que troca o sangue toda semana. Seria Pepeu um doce vampiro? 

 

Com 40 anos de carreira, o eterno membro do grupo Novos Baianos explica: “Faço um tratamento ortomolecular com o doutor Eduardo Gomes, à base de ozônio, que limpa o sangue. Não tem isso de trocar”. Pepeu fala que se sente com 25 anos. “E todo mundo diz que eu tenho cara de 40, corpinho de 40. Faço esse tratamento para não envelhecer”, justifica o músico, que, aos 57 anos, vai ser Rei Momo em Salvador. “Agora tem Rei Momo magrinho”, diverte-se ele, que pesa 90kg. 

 

Mas não foi Pepeu o descobridor da pólvora, ops, ozônio. “Sei de muitos atores da Globo que fazem também. Mas não vou dizer quem”, desconversa ele, que é chamado pelas filhas de ‘Vovô Gatinho’. Pressionado, entrega: “Até Pelé faz isso há 15 anos”.  

 

O Rei do futebol teria gostado tanto do tratamento que o indicou para uma de suas funcionárias. Aos 42 anos, a moça, que preferiu identificar-se apenas como Patrícia, diz que sofria de fibromialgia (síndrome que provoca dores em toda a musculatura) e tomava cortisona. A ozonioterapia resolveu seus problemas: “Faço há seis meses, estou com uma superdisposição e ainda emagreci 15kg, porque há acompanhamento de uma nutricionista e de um biólogo”. Ela diz ainda que testemunha o caso de um rapaz que sofre de esclerose múltipla e só se locomovia com cadeira de rodas. Mas, desde que começou a fazer o tratamento, anda de muletas. 

 

“Isso é a medicina do futuro. Aplico ozônio uma vez por semana. Estou equilibrado, tranquilo. Faço uma música por dia”, conta Pepeu, que também aderiu à dieta do sangue. “Adoro comer carne e meu sangue é O. Então não tem problema. Já minha mulher é do tipo A e só pode comer peixe”, explica ele, que só dorme depois das 5h da manhã. “Sou um vampiro do bem”. 

 

Sangue volta para o corpo ‘aditivado’ 

 

Um dos pioneiros na ozonioterapia no Brasil, Eduardo Gomes tem várias clínicas pelo País e é tão requisitado que, às sextas-feiras, único dia em que atende no Rio, seu consultório fica lotado até perto da meia-noite. Foi neste horário que O DIA D conseguiu conversar com o médico. 

 

Segundo ele, a ozonioterapia melhora a qualidade de vida de pacientes com as mais diferentes enfermidades. “É raro haver contraindicação. O princípio básico do tratamento é melhorar a oxigenação do sangue. Isso traz mais disposição, rejuvenesce e aumenta o apetite sexual”, declara. Cada sessão custa, em média, R$ 250. “Retiramos 150ml de sangue, acrescentamos 3 mil microgramas de ozônio e devolvemos o sangue ao paciente”, explica. 

 

Além da ozonioterapia, o especialista, que atende Pepeu e uma penca de famosos, costuma receitar a dieta do tipo sanguíneo, indicando os alimentos benéficos, neutros ou nocivos para cada pessoa, dependendo do tipo de sangue que ela tem. 

 

Reportagem de Gabriela Germano e Guilherme Scarpa 

 

Marcelo Fetha (fetha@ibest.com.br)    

[voltar]

envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a participação que motivou este comentário]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2017)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org