Auto-hemoterapia Informações e debates

            Quem somos

                 auto-hemoterapia o que é? |  informações & debate |  depoimentos |  publicações |  vídeos |  política de privacidade |  pesquisa virtual

ver participações do dia Visitantes: 2.523.216 (início em 30/10/2010)

"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas








Assine a petição
para a Liberação da
Auto-hemoterapia








"Conversa com o
Dr. Luiz Moura:
O que é
auto-hemoterapia?
"


Vídeo na íntegra.

Conversa com o Dr. Luiz Moura

Agora também
subdividido em
60 temas

Busca Saúde
Loading

 Comentário de Magno Martins 3 horas atrás .Olá, Olivares,

Auto-Hemoterapia - Informações e Debate - Ver Opinião - Ver Opinião - Comentário
 Sábado, 17 de abril de 2010 - 18:43:25 
201.67.40.226

Comentário de Magno Martins 3 horas atrás .Olá, Olivares, 

parabéns por sua postagem! Você está coberto de razão! 

Admiro as pessoas benevolentes, sinceras e inteligentes e, você demonstra isso com sua lógica. 

Inscrevi-me em Amigos da Cura há pouco tempo e apenas relatei que faço Auto-hemoterapia há mais de 3 anos, sem revelar a razão. Abri uma fazenda no Xingú há mais de 39 anos (ainda não havia moto-serras) e lidava com mais de 200 homens. O acesso era dificílimo (o primeiro pequeno trator foi atravessa em balsa improvisada com tambores de 200 litros) e tive que adquirir livros para tratar malária, doenças sexualmente transmissíveis, acidentes traumáticos, etc. Aprendi muito e fiquei apaixonado pela ciência médica. Quanto a Auto-hemoterapia, a primeira vez que apliquei (orientado por um livrinho de veterinária em francês, 12 anos mais velho que eu - nasci em 1940) foi em uma novilha cega por figueira. Vendi aquela fazenda e comprei outra em Jales. Tive o mesmo problema com uma vaca leiteira (nos beiços). Não tinha mais o dito livrinho (nos 14 anos que permaneci no Xingú, acumulei vários caixotes de livros e na mudança, só trouxe os mais novos). Fiz o tratamento à "olho", sem saber quantos ml de sangue ou intervalo de aplicações. Minha mulher, que sempre me acompanhou, não estava comigo na faz. porque estava grávida de meu último filhos (hoje tem 23). Naquela época, comentei com minha mulher o que havia feito na vaca e fiquei sabendo que ela havia se tratado com um médico dermatologista em Lins, utilizando o mesmo procedimento, na sua adolescência, para tratar acne severa. 

Fiquei sabendo então (há 24 anos) que o que havia feito com os animais, também poderia ser aplicados nos humanos. 

Em janeiro/07, minha mulher que sofria de atrite reumatóide, recebeu um DVD e quem lhe emprestou pediu para que ela fizesse 2 cópias (ela tinha que devolver o DVD e queria ficar com uma cópia). Quando fiz as cópias, me inteirando do conteúdo, acessei no Google todos os nomes citados e e pesquise até encontrar os trabalhos citados na íntegra. Me convenci e passamos a utilizar a Auto-hemoterapia. Em alguns meses deixei de utilizar remédios para depressão (que todo ano me acometia) e minha mulher melhorou visivelmente. 

A partir daí, nunca mais parei de pesquisar a auto-imunidade e descobri vários métodos para aumentá-la (penas um que a supera [pouco] e que não divulgo, porque a indústria farmacêutica pode retirá-la do mercado quando começar a demanda por ele e ela perceber que está interferindo com seus lucros). Acredito que não tenha tempo para pesquisa devido sua idade (ainda está lutando pela sobrevivência) mas, quando se aposentar, é um exercício para evitar ou prolongar o aparecimento do Alzheimer e dá uma satisfação enorme poder ajudar pessoas. 

Saudações, ..RSS  

 

 

Diva    

[voltar]

envie este texto a seus amigos

Busca Saúde
Pesquisa personalizada








Atenção: NÃO USE informações aqui divulgadas para substituir uma consulta médica. Seja prudente, consulte um médico, quando entender necessário, para o correto diagnóstico e eventual tratamento".

[ir para a participação que motivou este comentário]
 
  AHT HEMOTERAPIA: Informações & Debate, Depoimentos, Publicações e Vídeos (2007 - 2017)
Fique livre para divulguar informações aqui disponibilizadas.
Agradecemos a citação da fonte.
webmaster@hemoterapia.org